Remédio para Ressaca Tiro e Queda, Funciona mesmo

Ressaca é um problema com o qual, nenhum alcoólatra se preocupa, senão depois que ela acontece, mas bom seria se cada ser humano tivesse consciência do grande mal que isso traz para o organismo. Como se não bastasse os constrangimentos que isso pode oferecer para os bebuns, ainda existem os sérios problemas de saúde, especialmente para os rins e figado.

Mas como, infelizmente isso é uma ideia que agrada a maioria dos seres humanos, o jeito é ter um remédio para ressaca a disposição para pelo menos conter alguns dos sintomas mais presentes diante dessa situação.


O que é Ressaca

A ressaca é a consequência do consumo excessivo de álcool, lembrando que nem é preciso ingerir demais esse veneno, pois para alguns indivíduos, basta alguns goles desde que para o organismo seja o suficiente para causar a reação.

Em geral, a ressaca se manifesta sempre no dia seguinte quando o indivíduo acorda apresentando sintomas como dor de cabeça que pode ser intensa, dor em volta dos olhos e enjoo, podendo em alguns casos ocorrer os vômitos.


Esses sintomas acontecem porque o corpo fica desidratado forçando o fígado a trabalhar com maior intensidade para eliminar o álcool presente no sangue.

Na verdade, a ressaca é uma reação muito natural do organismo e acontece porque o corpo precisa de alguma maneira eliminar o álcool que foi ingerido.

Esse desconforto só acontece depois que o álcool já foi metabolizado e isso, geralmente acontece no dia seguinte ou após algumas horas depois da bebedeira. Geralmente a ressacas dura apenas algumas horas, melhorando sozinha, mas em casos em que o organismo do indivíduo é mais sensível, esse desconforto pode durar mais tempo.

Quando o indivíduo se excede na dose de bebida alcoólica, o nível de álcool no sangue também aumenta bastante e por isso, diversos órgãos são afetados quando então, o álcool presente precisa ser metabolizado com urgência

Como se não bastasse isso, ainda existe as injustiças que um bebum pode fazer maltratando a família enquanto ainda se encontra sob os efeitos do álcool.

Ressaca de Cerveja

A cerveja é uma bebida que apresenta uma baixa graduação alcoólica e, além disso, é composta em sua maior parte de água, o que dificulta um pouco o entorpecimento.

Porém, por ser uma bebida de certa forma, agradável ao paladar, poucas pessoas se contentam com pouco e, nesse caso, certamente os efeitos nocivos irão se manifestar após algumas garrafas desse líquido.

Pelo fato de conter muita água, o corpo demora um pouco mais para ficar desidratado e, por isso, apesar de acontecer a ressaca com a cerveja, esta é mais branda.

Ressaca de Vinho

Dizem que a ressaca do vinho é uma das mais complicadas, especialmente quando o indivíduo busca por aqueles vinhos envelhecidos que apresentam um teor alcoólico mais alto.

Além dos efeitos do álcool encontrado no vinho, precisamos lembrar que esse tipo de bebida contém alguns aditivos para a sua conservação. Já faz muitos anos que o Sulfito é utilizado na fabricação de vinhos com a intenção de conservá-lo por mais tempo.

Porém, o que muita gente ainda não sabe, é que o Sulfito compromete assustadoramente a saúde dos apreciadores e, mais que isso, anula toda e qualquer vantagem que esse líquido feito da uva poderia oferecer para a saúde.

Mas para quem tem medo de se embebedar e ter que curtir uma ressaca no dia seguinte, mas mesmo assim não abre mão dessa bebida, a dica é: Beba vinho com teor alcoólico abaixo de 13% que são mais leves e inclusive mais baratos.

Uma dica válida para quem vai beber, independente de qual bebida for ingerir é intercalar essas bebidas com um copo de água. A vantagem é que podemos beber menos álcool e o corpo poderá se manter hidratado por mais tempo.

Além disso, ingerir bebida de álcool com o estômago vazio acelera ainda mais o processo de embriagues e consequentemente os sintomas da ressaca no dia seguinte serão ainda piores.

Por isso, tenha em mãos um petisco para ajudar a controlar os efeitos do álcool nos seus encontros com os amigos.

Ainda com respeito a ressaca provocada pelo vinho, não querendo assustar mas assustando, esse é um tipo de bebida alcoólica que pode facilmente causar um coma alcoólico com sérios riscos à vida, pense nisso.

Ressaca de Whisky e Destilados

Bebidas destiladas como o Whisky, vodca, conhaques, entre outras bebidas em geral, apresentam um alto teor alcoólico. O Whisky, por exemplo, pode chegar a 47% de graduação alcoólica.

Além disso, bebida destilada significa álcool mais concentrado e então, imagine o que pode acontecer se o indivíduo tomar um pileque de Whisky  ou qualquer outra bebida destilada com graduação elevada de álcool.

Os sintomas são ainda mais intensos e o período para a recuperação poderá se prolongar por mais tempo, especialmente se o organismo não é acostumado com essas drogas mais fortes.

Primeiros malefícios do álcool no organismo

O uso de bebida alcoólica, seja em pequena ou grande quantidade apresenta malefícios diversos ao organismo a começar por:

  • Excesso de urina – o álcool mesmo pode ajudar o corpo a produzir mais urina e, nesse caso, surge um quadro de desidratação que leva a outros sintomas como a tontura, o enjoo, sede e a dor de cabeça da ressaca.
  • Comprometimento no Sistema Imunológico – o uso de bebida alcoólica provoca inflamação no sistema imunológico o que pode provocar a falta de concentração, perda ou redução no apetite, falta de interesse pelas atividades diárias entre outros problemas.
  • Irritação no estômago – o consumo de álcool, a partir de um primeiro gole provoca irritação no revestimento estomacal devido a um aumento na produção de ácido gástrico provocando náuseas, vômitos e um tremendo mal-estar.
  • Sonolência – apesar de provocar o sono, o indivíduo tem apenas um sono leve, o que provoca a perda ainda maior de energia. Com isso, ao acordar, sente-se mais cansado e bem indisposto.
  • Queda nos níveis de glicose no sangue –  o álcool no organismo provoca uma queda rápida de glicose no sangue provocando sintomas bem constrangedores e, além disso, se torna muito perigoso para pessoas portadoras de diabetes.
  • Expansão nos vasos sanguíneos  provocando a dor de cabeça persistente.

Também não podemos esquecer que, uma pessoa que diz “beber socialmente”, mesmo assim tem sua saúde debilitada. Essa debilidade por vezes vai se agravando sem que o indivíduo se dê conta disso senão, quando por vezes já é tarde para uma recuperação sem riscos.

Tipos de bebidas e seus males

Ao visitarmos o mercado vamos encontrar 2 tipos de bebidas as fermentadas e as destiladas, mas afinal, qual a diferença entre elas?

  • Bebidas fermentadas – as bebidas fermentadas são aquelas fabricadas com o processo de fermentação, quando um micro-organismo denominado Levedura transforma o açúcar do ingrediente usado em Álcool.

O processo é relativamente fácil quando a bebida é feita com o uso de frutas como é o caso dos vinhos. Porém, quando se trata de uma bebida feita a partir de grãos de cereais como a cevada, arroz, milho, esse micro-organismo não tem poder para realizar a fermentação.

Por isso, para esses casos é preciso ainda realizar o processo de sacarização quando o processo de transformação do cereal em açúcar é feito com o uso da química.

Bebidas destiladas – já as bebidas destiladas, para quem não sabe, primeiramente precisam ser fermentadas para depois serem processadas para que o álcool seja retirado, motivo pelo qual essas bebidas apresentam um teor de álcool bem elevado.

As bebidas destilada mais conhecidas são:

  • Whisky,
  • Conhaque,
  • Tequila,
  • Cachaça,
  • Vodka,
  • Rum,
  • Gin.

Com respeito aos males que a bebida alcoólica pode causar, vamos tecer alguns comentários. Mesmo com a contrariedade de muitos que não admitem a ideia de abolir as bebidas alcoólicas de suas vidas, precisamos dizer que não importa se a bebida é fermentada ou destilada ou se apresenta uma baixa graduação alcoólica ou muito alta, todo álcool vai fazer mal se ingerido regularmente.

Muita gente quer afirmar de que a bebida alcoólica é benéfica para a saúde do coração. Isso, em parte, pode ser verdade, mas existem outras maneiras de preservar a saúde desse músculo vital ao ser humano.

Mesmo que seja benéfico para o coração, é importante que se saiba de que a bebida alcoólica pode causar morte prematura atacando a grande maioria dos órgãos do corpo.

Segundo um relatório feito pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2014, a bebida alcoólica aumenta os riscos de doenças como: Cirrose Hepática, Depressão, Ansiedade, Pancreatite e muitas outras complicações.

Como se isso não bastasse, por culpa da bebida alcoólica, muitas pessoas se suicidam e, entre essas, muitos adolescentes e jovens. Também por conta da bebida alcoólica, os acidentes violentos nas estradas só tendem a aumentar.

Bom, se essas informações não são o suficiente para te convencer sobre os efeitos negativos do álcool, vamos em frente.

Por conta do álcool ingerido sem moderação, aumentam os riscos de:

  • Câncer de cólon,
  • Câncer de fígado,
  • Câncer de mama,
  • Câncer de laringe,
  • Câncer de boca,
  • Câncer de nariz,

Sobre esses dados, ainda precisamos acrescentar de que entre 4 e 30% das mortes que acontecem devido a um câncer em todo o mundo, acontecem por conta do consumo de bebida alcoólicas e isso, independente de beber moderadamente ou tomar um pileque.

Porém os malefícios da bebida alcoólica para o ser humano não param por ai, tem muito mais, vejamos:

  • O consumo regular ou elevado de bebida alcoólica enfraquece o sistema imunológico e o indivíduo fica mais sujeito a contrair doenças como Pneumonia ou Tuberculose, entre outras doenças infecciosas.
  • Quando alcoolizado, homens e mulheres são estimulados ao sexo sem a devida proteção, sujeitando-se a doenças sexualmente transmissíveis bem variadas.
  • Mulheres que fazem uso de bebida alcoólica durante a gravidez ( o que é muito comum em nossos dias) comprometem drasticamente a saúde do feto.

Para complementar esse relatório, precisamos dizer ainda que existem pelo menos 200 tipos de doenças e lesões dos órgãos que estão relacionadas ao consumo de bebidas alcoólicas e pelo menos 30 destas são promovidas somente por esse tipo de droga ‘licita”.

Tomar Ibuprofeno 600 mg

Entre os benefícios que o ibuprofeno 600 mg pode oferecer para o ser humano está o alívio para a dor de cabeça e, por isso, ele pode ser recomendado como remédio para ressaca. Esse medicamento para adultos deve ser recomendado por um médico, pois existem os riscos dos efeitos adversos.

Uma curiosidade bem interessante é que Stewart Adams que desenvolveu esse medicamento em 1960, comprovou por sua conta a eficácia desse medicamento para curar os sintomas da bebedeira e por isso, hoje em dia ele ainda é recomendado para o tratamento.

Substância ativa nesse medicamento – cada comprimido contém 600 mg de Ibuprofeno.

Como usar esse medicamento – a recomendação médica é de 1 comprimido a cada 6 ou 8 horas ou de acordo com uma recomendação mais específica do médico.

Efeitos adversos desse medicamento – o uso de Ibuprofeno 600 mg pode apresentar uma variedade de efeitos adversos. Por isso é importante buscar pela recomendação de um médico antes de iniciar um tratamento.

Valor desse medicamento – a embalagem com 20 comprimidos de Ibuprofeno 600 mg tem um valor aproximado de R$ 21,00 reais.

Remédio Carvão Ativado

O Carvão Vegetal Ativado é um produto natural encontrado no mercado na forma de cápsulas ou comprimidos. Trata-se de um produto que confere muitos benefícios ao ser humano pois atua na absorção de toxinas e químicos no corpo.

Por conta disso, ele também contribui para ajudar a combater a ressaca, pois colabora com o fígado na eliminação das toxinas causadas pela ação do álcool no organismo.

Como usar o carvão ativado – a forma de uso desse medicamento de origem natural depende do problema a ser tratado.

Como o assunto no momento é a ressaca a indicação é a seguinte. Para prevenir a ressaca deve-se ingerir 1 grama de carvão vegetal antes de beber e mais 1 grama depois que parar de beber.

Os comprimidos ou cápsulas de carvão ativado devem ser ingeridos com um pouco de água ou suco natural…nunca com bebida alcoólica.

Muita Água e Isotônico

Já adiantamos que a ressaca acontece por conta da desidratação do corpo. Por isso, como solução mais natural para combater esse problema, ingerir água é muito importante, não apenas isso, mas também, tomar banhos frios ou mornos vai contribuir para aliviar os sintomas rapidamente.

A água pura sempre foi e sempre será uma ótima opção entre os medicamentos naturais que temos a disposição de graça e o melhor é que não apresenta contra-indicações.

Para curar a ressaca então, confira essa dica: combine o repouso com sono, água em abundância por dentro e por fora (banho), isso em alguns casos, pode ser o suficiente para aliviar o problema, pois o organismo precisa se restabelecer o mais naturalmente possível.

Já a bebida Isotônica também pode contribuir com o restabelecimento do organismo, pois ela repõe os eletrolíticos que se perdem cada vez que o indivíduo precisa ir ao banheiro.

Com respeito ao Isotônico, é importante buscar pela recomendação médica antes de fazer uso desse produto, especialmente se existem riscos do indivíduo ter problemas com Diabete.

Tomar Café Forte

A ideia de que ingerir o café forte para combater a ressaca, não é totalmente verdade. Essa bebida pode até ajudar, pois é um estimulante e, por isso, pode amenizar a dor de cabeça e a sonolência, mas não irá resolver.

Além disso, o figado que precisa metabolizar o álcool ingerido, faz esse trabalho vagarosamente uma vez que se encontra debilitado por conta desse veneno e o café, nesse caso, não tem como contribuir com a metabolização da bebida.

Mas mesmo assim, para quem desejar usar essa bebida quente para ajudar a diminuir os sintomas da ressaca, o conselho é que faça um café mais forte e adoce para potencializar os efeitos dessa bebida.

Tome Engov

Engov é um medicamento muito conhecido no mercado quando o assunto é curar a bebedeira, pois graças a sua composição ele é muito eficaz para combater os sintomas causados pela bebida alcoólica.

Substâncias ativas nesse medicamento – cada comprimido de Engov contém:

  • 15 mg de Maleato de Mepiramina,
  • 150 mg de Hidróxido de Alumínio,
  • 150 mg de Ácido Acetilsalicílico,
  • 50 mg de Cafeína.

Como usar esse medicamento – a recomendação médica é de 1 a 4 comprimidos ao dia até que os sintomas da ressaca desapareçam.

Efeitos adversos desse medicamento – os efeitos adversos que esse medicamento pode apresentar são:

  • Reação com hipersensibilidade,
  • Obstrução intestinal,
  • Sedação,
  • Insônia,
  • Agitação que pode progredir a delírios leves,
  • Zumbidos,
  • Taquicardia,
  • entre outros efeitos adversos

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado nas seguintes situações:

  • Para pacientes com histórico de alcoolismo crônico,
  • Para crianças menores de 12 anos de idade,
  • Para pacientes com sensibilidade à sua fórmula,
  • Quando em combinação com outras substâncias que comprometam o sistema nervoso central,
  • Para pacientes com úlcera gastrointestinal,
  • Para pacientes com suspeita de Dengue,

Valor desse medicamento – a embalagem com 6 comprimidos de Engov tem um valor aproximado de R$ 9,00 reais.

Café da Manhã Gorduroso

Ao contrário do que muita gente acredita, não existe nenhuma comprovação cientifica que confirme a ideia de que ingerir um café da manhã mais gorduroso irá contribuir como remédio para ressaca, pois o mais provável que irá acontecer é que o indivíduo fique com azia.

É importante sim, ingerir alimentos ricos em nutrientes, mas de preferência que sejam fáceis de serem digeridos, pois o sistema digestivo já está debilitado e precisa se restabelecer dos efeitos nocivos do álcool.

Um caldo de sopa de legumes para repor o sal e o potássio é uma boa ideia para o café da manhã. Além disso, bananas, abacate ou um suco natural de laranja também ajudarão a recobrar as energias e contribuir com a melhora.

Outras opções para o desjejum são: torradas, pães integrais, queijos magros e até mesmo um ovo frito com pouca gordura.

Nota – a ideia de ingerir alimentos gordurosos pode funcionar sim se for para prevenir a ressaca e, nesse caso devem ser ingeridos antes ou junto com a bebida.

Alka Seltzer Efervecente

Alka Seltzer efervescente é um medicamento anti-ácido muito eficaz para combater o mal-estar provocado pela ressaca como no caso da azia, dor de cabeça e náuseas.

Substância ativa nesse medicamento – a substância ativa nesse medicamento é o Bicarbonato de Sódio.

Como usar esse medicamento – em geral, a recomendação médica para crianças com mais de 12 anos de idade e adultos, é de 2 comprimidos a cada 4 horas. Os comprimidos efervescentes devem ser diluídos em 100 ml para ingerir em seguida.

Efeitos adversos desse medicamento – quando utilizado de forma correta, esse medicamento não costuma apresentar efeitos adversos que precisem ser relatados.

Valor desse medicamento – a embalagem com 20 comprimidos de Alka Seltzer tem um valor aproximado de R$ 25,00 reais.

Por se tratar de um medicamento importado, Alka Seltzer pode ser buscado nas lojas virtuais para favorecer a aquisição e não precisa de receita médica.

Remédios para Náusea enjoo e Vômito

Remédio Motilium Comprimidos

Motílium é uma das opções em medicamentos encontrados no mercado que os médicos costumam recomendar quando existe algum tipo de problema gástrico que provoque náuseas e vômitos.

Substância ativa nesse medicamento – cada comprimido contém 10 mg de Domperidona.

Como usar esse medicamento – para adultos e adolescentes maiores de 12 anos, a recomendação é de 3 comprimidos ao dia. Se acaso o médico achar necessário, a dose poderá até ser aumentada para 4 comprimidos ao dia.

A duração do tratamento não deve exceder a 1 semana.

Efeitos adversos desse medicamento – esse medicamento pode apresentar uma variedade de efeitos adversos. Por isso, é preciso fazer o tratamento de acordo com a recomendação médica e nunca se auto-medicar.

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado nas seguintes situações:

  • Para mulheres no período de gestação,
  • Para pessoas que apresentam complicações na glândula hipófise,
  • Para pessoas com comprometimentos digestivos mais severos ou que apresentam fezes escuras com frequência.
  • Para pessoas com doenças hepáticas,
  • Para pessoas que fazem uso de medicamentos que desaceleram o metabolismo.

Além disso, pacientes que apresentarem alguma anormalidade no ritmo cardíaco devem descontinuar o tratamento e buscar por ajuda médica com urgência.

Remédio Plasil Comprimidos

Plasil é mais um medicamento encontrado no mercado que pode contribuir para fazer sessar as náuseas, enjoos e vômitos. Esse medicamento é indicado para tratar de alterações relacionadas aos movimentos do sistema digestivo e ainda outras condições.

Substância ativa nesse medicamento – cada comprimido contém 10 mg de Metoclopramida Anidro.

Como usar esse medicamento – A dose recomendada é de 1 comprimido de Plasil, 3 vezes ao dia, 10 minutos antes das refeições.

Efeitos adversos desse medicamento – os efeitos adversos mais comuns que esse medicamento pode apresentar são:

  • Sonolência,
  • Síndrome parkinsoniana,
  • Inquietude,
  • Depressão,
  • Diarreia,
  • Sensação de fraqueza,
  • Pressão baixa,

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado nas seguintes situações:

  • Para pessoas com sensibilidade à formula do medicamento,
  • Quando a estimulação do esvaziamento gástrico é perigosa como a presença de sangramentos, obstrução mecânica ou perfuração gastrintestinal,
  • Para pessoas que sofrem de epilepsia ou façam uso de medicamentos que possam causar tremor de extremidades, aumento do músculo ou rigidez muscular uma vez que a frequência e intensidades dessas reações podem aumentar.
  • Para pessoas com tumor benigno na glândula supra-renal, pois pode promover um aumento na pressão arterial por conta da liberação de catecolaminas.

Remédio Dramin B6

Dramin B6 é um medicamento muito conhecido de pessoas que costumam viajar. Mas o que pouca gente sabe é que esse medicamento é bastante eficaz para prevenir ou tratar de condições doentias em que as náuseas, enjoos e os vômitos são frequentes.

Por isso, esse medicamento também pode contribuir para ajudar a aliviar os sintomas provocados pelas bebedeiras.

Substância ativa nesse medicamento – cada comprimido de Dramin B6 contém 50 mg de Dimenidrinato e mais 10 mg de Cloridrato de Piridoxina que é conhecido como Vitamina B6.

Como usar esse medicamento – em geral, a dose recomendada de Dramin B6 para crianças acima de 12 anos e adultos é de 1 ou 2 comprimidos ingeridos a cada 4 horas, mas nunca excedendo a 8 comprimidos dentro das 24 horas.

Nota – pacientes com complicações hepáticas devem alertar o médico, pois é preciso considerar a ideia de administrar um tratamento com dosagem mais baixa do medicamento.

Efeitos adversos desse medicamento – os efeitos adversos mais comuns que esse medicamento pode apresentar são:

  • Sonolência,
  • Sedação,
  • Dor de cabeça.

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado nas seguintes situações:

  • Para crianças menores de 12 anos de idade,
  • Para pessoas sensíveis a fórmula do medicamento,
  • Para pessoas com Porfíria (distúrbio caracterizado por quantidades excessivas dos pigmentos porfirina no sangue e na urina),
  • Mulheres gestantes e mulheres no período de amamentação não devem fazer uso do medicamento sem a recomendação de seu médico.

Remédio Cafiaspirina

Cafiaspirina é uma das formas de Aspirina encontradas no mercado e, nesse caso, com a adição da Cafeína em sua fórmula, o medicamento pode contribuir com eficácia no combate a dor de cabeça provocada pela ressaca.

Substância ativa nesse medicamento – cada comprimido contém:

  • 650 mg de Ácido Acetilsalicílico,
  • 65 mg de Cafeína.

Como usar esse medicamento – em geral, a recomendação médica é 1 a 2 comprimidos a cada 6 ou 8 horas, sempre após as refeições.

Atenção – Cafiaspirina é um medicamento que pode apresentar uma variedade de efeitos adversos, alguns bem constrangedores. Por conta disso, é importante buscar pela orientação de um médico responsável antes de começar um tratamento.

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado nas seguintes situações:

  • Para pacientes com sensibilidade ao Ácido Acetilsalicílico ou a outros medicamentos salicilatos,
  • Para pacientes com histórico de Asma provocada pelos salicilatos ou por anti-inflamatórios não esteroides,
  • Para pacientes portadores de doenças que provocam sangramentos,
  • Para pacientes portadores de doenças renais, hepáticas ou cardíacas graves,
  • Para mulheres no último trimestre de gestação,
  • Para paciente com debilidades no sistema circulatório,
  • Para pacientes com pressão alta não controlada.

Valor desse medicamento – a embalagem com 4 comprimidos de Cafiaspirina tem um valor aproximado de R$ 12,00 reais.

Remédio Metoclopramida

Cloridrato de Metoclopramida na forma de solução oral gotas, é mais uma opção como medicamento para combater os sintomas da ressaca. Na verdade, esse medicamento age sobre o sistema digestório favorecendo a digestão e aliviando o enjoo e prevenindo o vômito.

Substância ativa nesse medicamento – cada ml da solução oral gotas contém 4,0 mg de Cloridrato de Metoclopramida.

Como usar esse medicamento – em geral, a dosagem para esse medicamento é de 53 gotas, 3 vezes ao dia que devem ser ingeridas 10 minutos antes das refeições. Porém, é importante buscar por um aconselhamento mais específico de um médico responsável, pois antes é preciso avaliar o quadro clínico do paciente.

Efeitos adversos mais comuns desse medicamento:

  • Sensação de fraqueza,
  • Sonolência,
  • Depressão,
  • Queda na pressão arterial,
  • Diarreia,
  • entre outros efeitos indesejáveis.

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado em situações como:

  • Para mulheres no período de amamentação, salvo recomendação médica,
  • Para pacientes com sensibilidade à fórmula,
  • Para pacientes que apresentam alguma estimulação anormal de motilidade gástrica ou outros comprometimentos mais graves no aparelho gastrointestinal,
  • Para pacientes com complicações na glândula supra-renal,
  • Para pessoas com doença de Parkinson,
  • Para crianças menores de 1 ano de idade (lembrando que ele pode ser usado para outros fins que não tem a ver com ressaca).

Valor desse medicamento – a embalagem com 10 ml de Metoclopramida solução gotas tem um valor aproximado de R$ 15,00 reais.

Remédio Paracetamol para Dor de Cabeça

Paracetamol é um medicamento recomendado para combater a dor de cabeça e é bastante conhecido no mercado. Além disso, esse medicamento é indicado para combater a febre em situações diversas.

Esse medicamento é encontrado na forma de comprimidos ou gotas o que favorece nos tratamentos.

Substância ativa nesse medicamento – a substância ativa nesse medicamento é o próprio Paracetamol.

Como usar esse medicamento – para crianças com mais de 12 anos de idade e adultos a recomendação médica é de 500 mg a 1000 mg/dose com intervalos de 4 a 6 horas entre cada administração.

Efeitos adversos desse medicamento – os efeitos adversos mais comuns que esse medicamento pode apresentar são:

  • Erupções Cutâneas,
  • Urticária,
  • Eritema pigmentar fixo,
  • Angioedema,
  • Choque anafilático.

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado nas seguintes situações:

  • Para crianças menores de 12 anos de idade,
  • Para pessoas sensíveis à formula desse medicamento,
  • Mulheres no período de amamentação ou gestação devem avisar seu médico antes de começar um tratamento com Paracetamol.
  • Esse medicamento não deve ser ingerido em combinação com bebida alcoólica.

Soluções caseiras para combater a ressaca

Como podemos perceber, os medicamentos químicos para combater a ressaca, na grande maioria também oferecem uma variedade de efeitos adversos e contra-indicações.

Por isso, vamos agora citar algumas opções entre as soluções naturais para combater os sintomas provocados pela ressaca.

  • Suco de frutas – preparado com frutas frescas, o suco natural é muito eficaz para ajudar a combater os sintomas da ressaca, pois com ele é possível elevar rapidamente os níveis de glicose no sangue além de prover o organismo de nutrientes que podem estar faltando.

Nesse caso, a água de limão sem açúcar ou adoçante é também uma dica válida. Apesar de parecer ser ácido, o suco de limão no organismo torna-se alcalino e certamente vai rebater a acidez estomacal provocada pela ressaca.

Suco de manga, morangos, melão, melancia, são ótimas opções para serem ingeridos na forma de suco natural.

  • Água de coco – uma pessoa com ressaca precisa se reidratar e, nesse caso, a água de coco, é sempre bem vinda. Rica em nutrientes necessários para o organismo, essa solução é tudo de bom para combater a ressaca sem dificuldades.
  • Chá de Camomila – um medicamento natural bem versátil a Camomila apresenta propriedade calmante e digestiva e, por isso, certamente vai ter papel importante na cura da ressaca.
  • Mel – uma forma muito gostosa de curar a ressaca. Nesse caso, basta ingerir algumas fatias de pão com mel e o sangue vai ter uma elevação rápida nos níveis de glicose, ajudando no restabelecimento da saúde daquele que bebeu demais.
  • Chá de Gengibre – o gengibre contém muitas propriedades e entre os seus benefícios, ele também é famoso por ajudar a eliminar rapidamente os efeitos do álcool no organismo promovendo a desintoxicação.

Nesse caso, basta 10 gramas de gengibre fresco picado para 750 ml de água. Ferva os dois ingredientes por 10 minutos e depois, tire do forno, deixe amornar e beba.

  • Suco Detox – como o próprio nome sugere, os sucos Detox, especialmente aqueles preparados com folhas verdes, ajudam a desintoxicar o fígado e eliminar todas as substâncias nocivas encontradas nas bebidas de álcool acabando com o os sintomas provocados.
  • Alimentar-se com bananas – as bananas são muito ricas em nutrientes e além de um ótimo alimento, também podem contribuir para combater a ressaca.

O que acontece é que com o consumo de bebida de álcool, o organismo perde grande quantidade de potássio, um mineral muito necessário para a saúde. A banana é rica em potássio e isso significa que se ingerirmos esse alimento natural bem devagar o corpo vai se fortalecer do mineral e com certeza os efeitos serão logo percebidos.

Tente Vomitar para colocar para fora

Para quem está com ressaca, vomitar poderá ser uma boa ideia, mesmo sabendo que a irritação no estômago com queimação e azia poderá ser maior.

Desintoxicar o corpo é importante e, nesse caso, o vômito quando acontece mais voluntariamente, pode acelerar o processo de desintoxicação.

Precisamos entender que as ânsias de vômito e o próprio vômito são um reflexo natural do organismo de que algo não está bem no estômago, seja um alimento estragado, um produto tóxico e até mesmo o excesso de bebida alcoólica que é ainda mais tóxica.

Por isso, o corpo provoca naturalmente o vômito que, de fato, ajuda na desintoxicação e no alívio dos sintomas ruins.

Tome um banho gelado

Hidratar o corpo é muito importante quando a pessoa está de ressaca. Por isso, um banho frio ou mesmo gelado, vai contribuir bastante para o restabelecimento da saúde e do bem estar do bebum.

Água por dentro e por fora, esse é um segredo que sempre deu certo não apenas para curar uma ressaca, mas para tratar de outros problemas de saúde também.

A tendência para uma pessoa que se encontra de ressaca é ficar deprimida e sem qualquer ânimo para reagir. Nesse caso, um banho frio ou, melhor ainda gelado, vai despertar o indivíduo, devolvendo-lhe o ânimo, mesmo que seja por pouco tempo, mas os benefícios são facilmente percebidos.

Um perigo ainda maior

Como se sabe, qualquer tipo de bebida de álcool é capaz de provocar uma ressaca e, dependendo do indivíduo, nem precisa tantas doses dessa droga. Porém, o que muita gente ainda não se deu conta é que alguns tipos de bebidas apresentam na composição os Congêneres que dão uma cor mais encorpada na bebida.

O que muita gente também não sabe, é que os Congêneres encontrados em bebidas como o conhaque, licores escuros, rum, uísque, entre outras bebidas escuras podem potencializar ainda mais uma ressaca levando a um risco maior de coma alcoólico e consequentemente ao óbito.

Infelizmente, um viciado dificilmente reconhece o vício. Por isso, pelo bem de sua saúde e felicidade de todos os seus, se esse for o seu caso, procure ajuda e vença esse vício, pois do contrário, ele irá te vencer e depois, não adiantarão as queixas.


Leia também: