Pomada e Comprimido para Micose na pele nos dedos e unhas

 

Saber como acabar com a micose pode nos livrar de muitos constrangimentos, pois trata-se de uma infestação muito comum. As infestações são provocadas por fungos que habitam a pele e que aproveitam a imunidade baixa para se proliferar.

Por vezes, esse tipo de infestação pode ser combatida com tratamentos caseiros, desde que tratado logo que surjam os sintomas. No entanto, para problemas mais severos, o médico precisará ser visitado.

Nesse caso, o profissional da saúde deverá recomendar uma pomada e comprimido para Micose, mais específico. Sobre esses medicamentos, vamos tecer alguns comentários logo mais abaixo.

Antes disso, porém, vamos trazer alguns comentários sobre essas infecções de pele que certamente trazem constrangimentos e desconforto.

Tipos de Micose na pele

Existe uma grande variedade de fungos que causam a micose. Em alguns casos, essas infecções podem até ser confundidas com alergias ou então com a hanseníase.

Por conta dessa variedade de espécies de fungos, também os tipos de Micose variam de acordo com a área do corpo afetada.

A Micose costuma se manifestar nos dias mais quentes. As áreas da pele mais afetadas são:

  • Espaço da pele entre os dedos dos pés ou mãos,
  • Na sola dos pés,
  • Nas unhas,
  • Na região da virilha,
  • No couro cabeludo.

Vamos então, falar um pouco sobre cada uma das situações em que a micose se manifesta e como podemos combatê-las.

Micose nos dedos.

como acabar com micose 390x269 - Pomada e Comprimido para Micose na pele nos dedos e unhas

 

 

A micose nos dedos dos pés é uma das mais comuns, causada pela transpiração excessiva e pela falta de higiene. Um sinal bem característico de que existe a infestação é o mau-cheiro (chulé) que o indivíduo pode apresentar.

Por isso, para começar com o tratamento devemos lavar os pés com água morna e bicarbonato de sódio, uma solução caseira com bons resultados.

Depois de lavar os pés, especialmente o vão entre os dedos, é preciso secá-los com cuidado. Além disso, convém aplicar um remédio apropriado para combater logo o problema ou preveni-lo.

Entre as opções em pomada encontradas no mercado podemos recomendar:

  • Minancora – a Minancora é uma pomada conhecida já há muitos anos. Trata-se de um medicamento muito recomendado para tratar de doenças na pele.

Além disso, esse medicamento é bastante eficaz para combater o mau-odor das axilas e dos pés.

Substância ativa nesse medicamento – cada grama da pomada Minancora contém:

  • 0,005 g de Cloreto de Benzalcônio,
  • 0,200 g de Óxido de Zinco,
  • 0,050 g de Cânfora.

Como usar esse medicamento – para combater a micose e o mau-cheiro no vão dos dedos, aplique a pomada 2 vezes ao dia. As aplicações devem ser feitas com camadas finas, sempre após a higienização dos pés.

Veja também no vídeo micose nos dedos nunca mais

Micose da pele

 

A micose da pele é a mesma que ataca a região da virilha e o couro cabeludo. A infestação acontece devido ao ataque de fungos que se alimentam de queratina, substância presente na pele, no couro cabeludo.

Por isso, também para esse caso o tratamento começa com a higiene do corpo através de um banho bem tomado. Além disso, depois do banho é preciso secar bem o corpo, especialmente na região da virilha.

(Veja também como cuidar melhor da pele no verão)

Hoje podemos contar com alguns tipos de pomada que combatem com eficácia os fungos causadores da micose. Entretanto, para quem desejar uma receita caseira poderá preparar um combinado de:

  • 4 folhas frescas de mandioca,
  • 250 ml de água fervente.

Deve-se lavar a parte afetada da pele com o chá preparado  a uma temperatura suportável e depois enxugar corretamente. Faça o tratamento pelo menos 2 vezes ao dia até que o problema se resolva.

 

Veja mais um vídeo que vai ajudar a acabar com esses problemas na pele com a dermatologista

 

 

  • Creme Candicort para Micose na pele – Candicort é um medicamento com ação anti-inflamatória e anti-fúngica. Recomendado para tratar de micose na pele, ele demonstra muita eficácia nos tratamentos e fungos e leveduras.

Substância ativa nesse medicamento – cada grama de Candicort contem:

  • 20 mg de Cetoconazol,
  • 0,64 mg de Dipropionato de Betametasona.

Como usar esse medicamento – aplique a pomada com uma camada fina diretamente sobre a área da pele afetada. A aplicação deve ser feita 1 vez ao dia, mas para casos mais severos, aplicar até 2 vezes ao dia.

Atenção – o uso desse medicamento pode apresentar uma variedade de efeitos adversos. Por isso, é importante buscar pela recomendação médica antes de usá-lo no tratamento.

O tratamento com esse medicamento não deve ultrapassar a 15 dias consecutivos.

Cetoconazol – essa é uma das opções em medicamento de uso oral para tratar da micose na pele e outras infestações fúngicas. A ação do medicamento inibe o crescimento e desenvolvimento dos fungos levando-os a morte.

Substância ativa nesse medicamento – cada comprimido contém 200 mg de Cetoconazol.

Como usar esse medicamento – em geral, a recomendação médica para os adultos é de 1 comprimido de Cetoconazol ao dia. O medicamento deve ser ingerido sempre junto com uma refeição.

Crianças com mais de 30 kg geralmente se recomenda 1 comprimido ao dia, junto com a refeição.

Crianças pesando de 15 a 30 kg geralmente se recomenda 1/2 comprimido (100 mg) de Cetoconazol ao dia.

Ademais, o tempo de tratamento varia de acordo com o tipo de infestação que precisa ser combatida.

Efeitos adversos desse medicamento – as reações adversas mais comuns desse medicamento são:

  • Dor abdominal,
  • Náuseas,
  • Diarreia,
  • Dor de cabeça,
  • Funções anormais do fígado.

Contra-indicações – esse medicamento é contra-indicado nas seguintes situações:

  • Para pacientes com complicações hepáticas,
  • Para mulheres no período de gestação,
  • Para mulheres no período de amamentação.

Micose das unhas

 

Tratar a micose das unhas logo que ela começar a aparecer é muito importante. Se não for assim, o problema poderá agravar e afetar as outras unhas do mesmo pé.

A infestação costuma acontecer porque os fungos e leveduras encontradas na região costumam se alimentar da Queratina presente nas unhas. Quando acontece a infestação, em pouco tempo a unha perde sua beleza adquirindo uma cor amarelada.

Além disso, se não for tratada com severidade e urgência, o problema se agravará com risco da perda total dessa unha. Como se não bastasse isso, existe o risco então de contagiar tanto as demais unhas do pé e das mãos.

Entre as opções em pomada e comprimido para Micose nas unhas podemos recomendar:

  • Fluconazol – Fluconazol é indicado para tratar de diversas infestações fúngicas como é o caso da micose nas unhas. A ação do medicamento inibe o crescimento dos fungos levando-os a morte.

Substância ativa nesse medicamento – cada cápsula dura contém 150 mg de Fluconazol.

Como usar o medicamento – em geral, a recomendação médica para esse medicamento é de 1 dose de 150 mg a cada semana. O tratamento da unha afetada deve persistir até que o problema desapareça.

Atenção – esse medicamento é recomendado apenas para os adultos. Além disso, ele apresenta alguns efeitos colaterais e contra-indicações.

Também existe o tratamento com laser que é a Terapia Fotodinâmica que utiliza o corante azul de metileno. Este depois de aquecido elimina o fungo acabando com o problema.(Recomendamos: Esfoliação da pele com peeling de cristal)

Além disso, para quem desejar um remédio caseiro poderá mergulhar os pés no suco de limão deixando agir alguns minutos. Depois disso, basta lavar os pés com água morna e então secá-los corretamente.

Como se prevenir contra a Micose

Quando tratada precocemente, a Micose não costuma apresentar maiores preocupações. Entretanto, sempre é melhor ficar prevenido, pois com isso, vamos evitar os constrangimentos diversos.

Por isso, atente para as dicas que vamos oferecer:

  • Após o banho, certifique-se de que seu corpo vai ficar bem seco, especialmente as áreas com dobras na pele. Além disso, evite lavar a cabeça à noite, pois dormir com o cabelo úmido contribui para a micose no couro cabeludo.
  • Ao entrar em contato com o solo ou material que contamine, proteja-se com as luvas nas mãos.
  • Não utilize utensílios de higiene ou roupas de pessoa que você não conhece e confia.
  • Não ande com os pés desprotegidos, principalmente em ambientes como banheiros públicos e outras áreas contaminadas.
  • Evite o uso de roupas sintéticas, pois estas retêm o calor e propicia a transpiração provocando a ação dos fungos na pele.
  • Evite usar calçados de outras pessoas, principalmente de quem você não conhece. Sempre que possível dê preferência para calçados abertos no seu dia a dia.
  • Evite um contato prolongado com água e sabão. É bom manter-se limpo, mas um contato demasiado pode comprometer as defesas naturais da pele.
  • Procure alimentar-se de forma correta. Uma alimentação saudável, favorece o fortalecimento do sistema imunológico para proteger o corpo dos micro-organismos diversos.

Mesmo com todas essas dicas, certamente ainda assim existem riscos de uma contaminação por fungos.

Por isso, fique atento e se acaso, ainda assim existir uma infestação, não deixe para depois para buscar ajuda médica. Quando essas infestações não são tratadas com urgência e de forma correta, certamente que o problema pode evoluir e causar danos ainda maiores.

Além disso, quanto mais tempo demorar para buscar a cura, mais difícil pode ser para alcançar os melhores resultados.

 

Leia também:
Pomada para Micose de Pele, nomes, Tratamento
Pomada para Fungos nos pés, Tratamento, Nomes
Pomada para Coceira na VIRILHA como tratar Micose
Comprimido e Pomada para Coceira na Vagina, As mais Indicadas
Pomada para Frieira Pé de Atleta (Veja como Tratar)